Jeová Campos justifica renuncia da Mesa Diretora da ALPB para poder advogar e divulga seu desejo de continuar presidindo Comissão

0

O pedido de desligamento do deputado Jeová Campos da 4ª Secretaria da nova Mesa Diretora da ALPB teve motivação estritamente pessoal, já que o Regimento Interno da Casa não permite que membros do colegiado possam advogar. “Sou advogado por formação, gosto e necessito exercer a advocacia e na condição de membro da mesa eu ficaria impedido de advogar, por isso, pedi meu desligamento”, esclarece Jeová que, em pronunciamento na manhã desta quarta-feira (08), na ALPB, manifestou o desejo de continuar presidindo a Comissão de Desenvolvimento, Turismo e Meio Ambiente da Casa.

“Eu gostaria e comunico agora publicamente que desejo realizar, ainda neste ano, um trabalho destacado no que diz respeito ao desenvolvimento, buscando um debate de como descentralizar o desenvolvimento da Paraíba e, neste sentido, reivindico a minha manutenção no comando da presidência desta Comissão, que não é uma Comissão dita ‘Top’ da ALPB, mas, para mim ‘Top’ é o trabalho que se faz, pois entendo que o trabalho é quem dita a importância ou não da Comissão”, disse Jeová. Segundo ele, já há projetos, ações e pautas a defender, que com a chancela da presidência da Comissão terão encaminhamentos mais rápidos e eficazes.

Sobre seu pedido de desligamento da 4ª Secretaria, o parlamentar justifica que o fato de ter dois filhos recentemente formados em Direito e que precisam de orientação e participação direta dele em processos também influenciou sua decisão. “Foi tudo uma questão pessoal, de interesse próprio e que não vai comprometer minha relação com o atual presidente da Casa, Gervásio Maia, nem minha contribuição como parlamentar para que os trabalhos fluam no ritmo que a nova mesa requer”, reitera Jeová.

Jeová havia tomado posse como 4º secretário da Nova Mesa diretora no último dia 1º, na solenidade que empossou o atual presidente da Casa, mas seu desligamento já havia sido comunicado a Gervasinho. “Eu já havia tomado essa decisão, e comunicado previamente ao presidente. Fui apenas cumprir o protocolo que a cerimônia requeria e agora cabe ao presidente escolher quem me substituirá”, destaca Jeová.

Campartilhe.

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário

Copyright © 2003 - 2017 - Portal Folha do Valentina Notícias - Rádio, TV Jornal Jampa Notícias - TV JAMPA - Petrúcio Prado