Projeto Casa do Servidor terá 500 primeiras unidades construídas em julho

0

O sonho da casa própria vai se tornar realidade para centenas de servidores públicos municipais, federais e estaduais a partir de agora. Isto porque o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, lançou na tarde desta quarta-feira, 10, no auditório do Ipsem, o Projeto Casa do Servidor. O novo empreendimento imobiliário vai ser implantado na rua José Paulino da Rocha, no bairro do Velame. A construção das primeiras 500 unidades começa em julho próximo e as novas casas serão entregues no prazo máximo de um ano.

O novo condomínio recebe o nome de “Jardim Walnyza Residencial”, sendo fruto de uma parceria da Prefeitura Municipal de Campina Grande com a Construtora Resecom, tenho como órgão financiador a Caixa Econômica Federal. Além do prefeito Romero Rodrigues, o ato de lançamento foi prestigiado pelos secretários Paulo Roberto Diniz (Administração) e Fábio Agra Medeiros (Agricultura), deputado estadual Bruno Cunha Lima (cuja avó foi homenageada com o nome do empreendimento), vereador Sargento Neto, Angélica Silva (representante da Construtora Resecom) e outras autoridades.

Cada casa terá um terreno total de 125 metros quadrados, sendo que a área construída será de 60 metros quadrados, contando com garagem, varanda, sala de estar, cozinha, duas suítes (sendo uma reversível), banheiro social, área de serviço e quintal. O futuro núcleo habitacional contará com áreas para creche, posto de saúde e outros equipamentos comunitários.

O valor do imóvel é de R$ 122 mil, mas o servidor a ser contemplado contará com muitas vantagens, destacando-se um desconto inicial de R$ 10 mil, mas subsídio de até R$ 31.665,00 (do governo federal) e isenção, por parte do governo municipal, do imposto ITBI. Além de todos os esses benefícios, não será preciso o pagamento de entrada e as parcelas mensais serão, em média, R$ 400,00.

A iniciativa beneficia, sobretudo, o segmento social da faixa 1,5 do Programa Minha Casa Minha, beneficiando quem tem renda familiar a partir de R$ 1.600,00. Os interessados precisam, contudo, fazer um cadastro na Imobiliária Viabilizar, localizada na rua Vidal de Negreiros, 91, centro, podendo também obter outras informações pelos fones 3322.5262 e 9-9134-3503. Também estará à disposição dos interessados a Secretaria Municipal de Administração e o site da Construtora Resecom, cujo endereço é www.resecom.com.br.

A representante da Construtora Resecom, Angélica Silva, ressaltou, durante pronunciamento, a importância da parceira com a prefeitura para que seja viabilizado mais este empreendimento imobiliário em Campina Grande, agora voltado para a classe dos servidores municipais, estaduais e federais. Segundo ela, este projeto vai se expandir na cidade, não se limitando, portanto, as 500 primeiras unidades que começarão a ser em breve construídas.

De acordo com o prefeito Romero Rodrigues, a sua gestão tem lutado para reduzir o déficit habitacional em Campina Grande, beneficiando pessoas de vários segmentos sociais e faixas econômicas. Lembrou a construção de casas populares em diversas áreas da cidade, com destaque para o Complexo Habitacional Aluízio Campos. Conforme assegurou, este esforço vai ser permanente até o final da sua gestão.

Por sua vez, o secretário de Administração, Paulo Roberto Diniz, acentuou que esta é mais uma grande conquista dos servidores públicos municipais de Campina Grande, pois o governo tem se empenhado em oferecer melhores condições de trabalho e de vida para esta importante categoria. Já o deputado Bruno Cunha Lima elogiou mais este feito do segmento habitacional campinense, ressaltando ser uma oportunidade imperdível aos que almejam conquistar a casa própria.

Fonte: Codecom / PMCG

Campartilhe.

Sobre o Autor

Deixe Um Comentário

Copyright © 2003 - 2017 - Portal Folha do Valentina Notícias - Rádio, TV Jornal Jampa Notícias - TV JAMPA - Petrúcio Prado